EM CASA

EM CASA

DAHIANA DIVULGAÇÃO

DAHIANA DIVULGAÇÃO

ADAUTO NASCIMENTO

ADAUTO NASCIMENTO

sábado, 15 de março de 2014

Secretaria de Saúde Entrega “kits” para agentes de endemias em Ibicaraí

 
Texto: Arnold Coelho - Fotos: Antonio Lima
 Aconteceu na sexta-feira, 14, no período da manhã, no posto de apoio dos Agentes de Endemias da Secretaria de Saúde (na rodoviária de Ibicaraí), a entrega de 22 kits para os Agentes da Dengue. Os kits era uma reivindicação antiga dos agentes que trabalham no campo. Cada kit entregue é composto de 01 boné; 01 crachá; 02 camisas; 02 coletes; 01 bota; 01 bolsa com equipamento completo de trabalho.
A coordenadora da Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Saúde de Ibicaraí, Priscila Araújo, disse que o combate à dengue é uma das prioridades da Secretaria. Priscila lembrou que o ponto de apoio dos agentes está funcionando provisoriamente em duas salas na Rodoviária, em virtude da reforma da Unidade Básica de Saúde (UBS) Oséas Peixoto (antigo SESP), que tem prazo de conclusão da reforma para abril desse ano. “É importante também falar que todos esses kits foram adquiridos com recursos próprios”, disse Priscila.
O secretário de Saúde de Ibicaraí, Pinheiro Farias, esteve presente na entrega dos kits aos agentes e falou da importância de ter uma equipe de endemias preparada e bem equipada. “Por onde passei como secretário de Saúde sempre dei uma importância especial para o combate à dengue. Tenho comigo que é mais barato combater agora do que remediar no futuro. Lembro que Ibicaraí foi o primeiro município baiano a montar uma equipe de combate à dengue, - isso aconteceu no ano de 1993 - na época eu também era secretário”, disse Pinheiro.
O supervisor dos agentes, Wedson Rodrigues da Silva, falou da importância do agente de campo e disse que o município atende a 13 bairros, mais os distritos, com a presença de 15 agentes zoneados. “Durante o ano nós fechamos seis ciclos, sendo que esse ciclo consiste em um agente atender entre 800 e 1000 imóveis em um período de 40 dias úteis, onde o agente precisa fazer o tratamento focal, a verificação e eliminação de depósitos inservíveis e a prevenção com o combate ao mosquito da dengue com mensagens educativas e panfletos informativos”, disse Wedson.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...