CÂMARA DE IBICARAÍ

CÂMARA DE IBICARAÍ

sábado, 19 de setembro de 2015

CRI faz reunião com secretários para reduzir gastos nos próximos 90 dias em Floresta Azul‏


 Texto e fotos: Ascom Floresta Azul

A Comissão de Recursos Internos (CRI) da prefeitura de Floresta Azul fez uma reunião no período da manhã de ontem, quarta-feira, 16, no Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), com os secretários municipais, para avaliar o orçamento municipal, que tem tido constantes quedas de receitas, provenientes da grave crise econômica que atinge o Brasil, estados e principalmente os municípios. A CRI fez um balanço da arrecadação, queda de receita e da aplicação de recursos nesses nove meses do ano de 2015, bem como um planejamento financeiro para que as secretarias e demais órgãos da atual administração possam reduzir gastos nos próximos três meses.
A reunião contou com a participação dos secretários: Valter Alcântara, Agricultura; Domilene Borges, Saúde; Sayonara Leão, Educação e Eliana Alcântara, Assistência Social; Adriana Assis, consultora técnica de Finanças e Jacob Bitar, advogado e procurador do município, que representaram CRI. Adriana e Jacob apresentaram um relatório detalhado e elaborado pela comissão onde aponta a necessidade imediata de contenção de despesas pelo período de 60 a 90 dias, o que, de acordo com o relatório, proporcionará um ganho de caixa para atender os pagamentos emergenciais, além de dar uma sobrevida ao orçamento, visandoINVESTIMENTOS, após o referido período, em políticas públicas voltadas aos anseios da comunidade. 
O diálogo com os secretários serviu para ouvir de cada um sugestões no que se refere à implementação de medidas de contenção de gastos, necessárias em função da situação de retração econômica que o país, estados e os municípios passaram a enfrentam a partir do mês de janeiro de 2015, principalmente em razão da forte desaceleração das receitas advindas principalmente do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), e determinar que cada secretaria terá que apresentar uma prestação de contas mensal com informações referentes à contenção de despesas e aplicação de recursos.
"Planejamento, ação e controle. Esse precisa ser o nosso foco, pois improviso custa caro aos cofres públicos. Hoje em dia é imprescindível planejar os gastos e osINVESTIMENTOS, até porque Floresta Azul  teve uma queda de receita do FPM no primeiro decêndio desse mês de 38,7%, declarou Jacob Bitar.
 “As dificuldades geradas pelo atual momento econômico nos obrigam a rever as despesas. Estamos tomando estas decisões para garantir que as contas públicas fechem o ano em equilíbrio e para que o funcionalismo público municipal continue recebendo em dia”, disse Adriana Assis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Com a “casa cheia”, Câmara de vereadores de Ibicaraí aprova Projeto de Lei 12/2024

  Texto e fotos: Ascom Câmara de Vereadores de Ibicaraí Em uma sessão de “casa cheia”, com o plenário literalmente lotado e dezenas de pesso...