Twitter Updates

quinta-feira, 26 de julho de 2012

Flamengo inicia nova era diante da Portuguesa no Engenhão

Após a demissão de Joel Santana, Rubro-Negro começa nova caminhada em busca da reabilitação no Brasileirão. Lusa não vence há cinco rodadas

Por GLOBOESPORTE.COM Rio de Janeiro e São Paulo

O Flamengo começa contra a Portuguesa, nesta quinta-feira, às 21h, no Engenhão, uma nova era depois da saída de Joel Santana. Dorival Júnior, o substituto, talvez só faça a sua estreia domingo, diante do São Paulo, no Morumbi, mas certamente estará no estádio para observar seu novo time. Se isso for confirmado, o time será comandado por Jaime de Almeida. O Rubro-Negro vem de duas derrotas contra Corinthians (3 a 0) e Cruzeiro (1 a 0). Será o reencontro com a torcida que manifestou toda sua insatisfação na última partida disputada em casa (contra o Timão). Em meio ao momento adverso, o técnico interino, que treinou a equipe durante a semana, aposta nos garotos Adryan e Mattheus. E uma coincidência positiva ronda o time.
No dia 23 de julho de 2009, o técnico Cuca foi demitido na 13ª rodada do Brasileirão. Na ocasião, o líder do campeonato era o Atlético-MG, com 28 pontos. Na 11ª rodada daquela edição, o Flamengo somava 15 pontos. No dia 23 de julho de 2012, Joel Santana foi demitido na 11ª rodada, e o Rubro-Negro também soma 15 pontos. O atual líder do campeonato é o Galo, que tem 28 pontos.
Ao fim do Brasileirão de 2009 o Flamengo foi campeão brasileiro. Coincidências à parte, o Rubro-negro busca a vitória diante da Portuguesa para respirar ares mais tranquilos.

No lado paulista, a boa atuação utilizando o esquema com dois zagueiros na última rodada, quando a Portuguesa arrancou um empate por 1 a 1 contra o Corinthians, no Pacaembu, não fez com que o técnico Geninho mantivesse o time para enfrentar o Flamengo fora de casa. Cauteloso, o comandante rubro-verde optou por escalar Rogério, de volta à equipe após suspensão, ao lado de Gustavo e Valdomiro.
Sem vencer há cinco rodadas, a Portuguesa ainda não conseguiu conquistar três pontos atuando longe do Canindé. As únicas duas vitórias, sobre Atlético-GO e São Paulo, foram em casa. Nas seis vezes em que foi visitante, a equipe acumulou dois empates e quatro derrotas.
O Premiere transmite a partida para todo o Brasil. O GLOBOESPORTE.COM acompanha todos os lances em Tempo Real, com vídeos exclusivos.


header as escalações 2
Flamengo: Jaime de Almeida, que comandará o time interinamente, decidiu fazer mudanças na equipe, promoveu o retorno de Welinton nos treinamentos, e barrou Renato. Com isso, o time que vai a campo para enfrentar a Portuguesa deve ter: Paulo Victor, Léo Moura, Welinton, González e Ramon; Airton, Luiz Antonio, Ibson e Mattheus; Adryan e Vagner Love.
Portuguesa: o técnico Geninho não fez mistério sobre o time que utilizará no Rio de Janeiro. A equipe sofrerá uma alteração tática em relação à formação que enfrentou o Corinthians, no último sábado, no estádio do Pacaembu. Após boa estreia, o zagueiro Valdomiro será mantido entre os titulares. Rogério, que cumpriu suspensão na rodada passada, está de volta. Assim, a provável Lusa no Engenhão é: Dida; Gustavo, Rogério e Valdomiro; Luis Ricardo, Ferdinando, Léo Silva, Moisés e Marcelo Cordeiro; Héverton e Diego Viana.

quem esta fora (Foto: arte esporte)
Flamengo: Deivid torceu o tornozelo direito no treino de terça-feira e desfalca o time. Maldonado, em recuperação de uma cirurgia no joelho esquerdo, segue em tratamento.
Portuguesa: o volante Guilherme, novamente sondado por clubes brasileiros para deixar a Lusa, não foi relacionado e sequer viajou ao Rio de Janeiro. O atacante Ananias, ainda se recuperando de uma amigdalite, e o zagueiro Lima, com dores musculares, foram vetados pelo departamento médico. Leandro Silva, que foi submetido a uma cirurgia no pé direito, segue afastado do elenco até o início de 2013.
 
header pendurados (Foto: ArteEsporte)
Flamengo: Ibson, Marcos González e Marllon.
Portuguesa: Ananias e Lima.
 
header o árbitro (Foto: ArteEsporte) 
Ricardo Marques Ribeiro (Fifa/MG) apita a partida, auxiliado por Carlos Berkenbrock (Fifa/SC) e Marcus Vinicius Gomes (MG). Ricardo Marques arbitrou três jogos no Brasileirão, marcou 108 faltas (média de 36 por jogo), aplicou 11 amarelos (média de 3,7 por jogo), um vermelho (média de 0,3 por jogo) e nenhum pênalti. O campeonato tem média de 4,6 amarelos, 0,2 vermelho, 37,1 faltas e 0,3 pênalti.


header fique de olho 2
Flamengo:
Adryan, que teve boa atuação na derrota por 1 a 0 para o Cruzeiro, na última rodada do Brasileirão, terá nova chance no time. Ele é uma das promessas surgidas na base do Flamengo.
Portuguesa: a equipe de Geninho neutralizou o Corinthians no primeiro tempo do confronto paulista na última rodada. Com marcação adiantada, a Lusa melhorou seu desempenho defensivo e evitou que a bola chegasse à área de Dida. O zagueiro Valdomiro, que passou pelo Flamengo, não se acuou em sua estreia e chamou a atenção pela segurança na retaguarda rubro-verde. Deve dificultar a vida de sua ex-equipe na partida desta quinta.


header o que eles disseram

Jaime de Almeida, técnico interino do Flamengo: "O Flamengo necessita muito de uma grande vitória. Procurei colocar o time um pouco mais ofensivo, usando o Mattheus, que tem uma boa finalização, muito bom passe. Acompanho muito os juniores do Flamengo desde que cheguei aqui (em outubro de 2010), conheço bem a garotada, e vi muitos jogos do Mattheus com o Adryan. Acho interessante".
Geninho, técnico da Portuguesa: “Trabalhamos bastante nesses últimos dias e espero que a gente volte para São Paulo com três pontos conquistados. Sabemos da dificuldade, o Flamengo é um time muito forte, mas isso não atrapalhará nosso desempenho em campo. A equipe está preparada e bem empenhada para conseguir um resultado positivo para a Lusa”.
header números e curiosidades
* Flamengo e Portuguesa já se enfrentaram nove vezes com mando de campo dos cariocas na história do Campeonato Brasileiro, com três vitórias rubro-negras, quatro empates e dois triunfos da Lusa, com nove gols marcados por cada equipe.
* A Portuguesa tem sido uma verdadeira “pedra” no caminho do Flamengo. Além de forçar a troca de quatro técnicos da equipe carioca nos últimos anos, a Lusa também foi responsável por uma situação curiosa, quando derrotou o Flamengo por 3 a 2 no Maracanã pelo Campeonato Brasileiro de 1998. Esta derrota obrigou a diretoria do Flamengo a devolver o dinheiro dos ingressos para mais de 50 mil pagantes, promessa feita pelo então presidente do clube, Kleber Leite, antes da partida.
* A média de gols das partidas entre Flamengo e Portuguesa em Campeonatos Brasileiros é de 2,2 gols/ jogo. Em 25 jogos foram marcados 56 gols. Apenas três jogos terminaram empatados em 0 a 0 pela competição nacional.
 
header último confronto v2
Flamengo e Portuguesa voltam a disputar uma partida depois de quase quatro anos. O último confronto entre os times aconteceu no dia 1º de novembro de 2008, pelo Campeonato Brasileiro, com empate por 2 a 2, no Maracanã, diante de 44 mil torcedores. Fábio Luciano e Máxi marcaram para os mandantes, enquanto Jonas e Athirson anotaram os gols dos visitantes. O empate na 33ª rodada praticamente decretou o fim das possibilidades de o Rubro-Negro conquistar o título. No fim do segundo tempo, Obina e Patrício se desentenderam e acabaram expulsos. O atacante deixou o campo aplaudido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...