Twitter Updates

quarta-feira, 21 de março de 2012

Programa de Aquisição de Alimentos beneficiará quase 1.500 famílias em Coaraci

    Três instituições, quase 1.500 famílias e outras milhares de pessoas devem ser beneficiadas direta e indiretamente pelo Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), implantado em Coaraci. São pequenos agricultores, beneficiários do programa Bolsa Família, pessoas de baixa renda e o comércio em geral que ganha com a circulação de dinheiro. O PAA será gerido pela Associação das Mães do Programa Bolsa Família de Coaraci (AMAB) e terá duração de 8 meses. O investimento total é R$ 60 mil.
 No projeto, 19 pequenos agricultores beneficiários do Bolsa Família, irão vender seus produtos para a associação, que doará para as três instituições cadastradas: ColégioAlmakazir Gally Galvão, Colégio Paulo Américo de Oliveira e Igreja Batista Jerusalém. Através destas instituições, produtos como aipim, batata doce, banana da terra, banana da prata, bolos, poupa de frutas, biscoitos, couve e alface devem incrementar o cardápio de 1.353 famílias coaracienses. 
     Os alimentos são adquiridos através da Conab – Companhia Nacional de Abastecimento. Cada uma das 19 famílias fornecedoras terão uma renda de R$ 100,10 por quinzena, o que dá R$ 200,20 mensais. Além disso, diversos produtos serão comercializados na “venda da agricultura familiar”, inaugurada nesta sexta-feira (16), no centro da cidade. 

Audiência Pública

    Uma Audiência Pública sobre o PAA, com os beneficiários do programa Bolsa Família e outras pessoas da comunidade, foi realizada na manhã desta sexta. A audiência contou ainda com a participação da prefeita Josefina Castro, do vice-prefeito Sérgio Fraife, secretários de governo, além de representantes de outros municípios. Também esteve presente a presidente da AMAB, Dilma Francisca dos Santos e a vice-presidente, Maria Pereira Souza. 
     Representando a superintendente da Conab, Rose Pondé, responsável pelos estados da Bahia e Sergipe, o professor Soares Neto destacou a importância do PAA para a ampliação da renda das pessoas beneficiadas. Segundo ele, o projeto é pioneiro em Coaraci e por isso, começou-se com poucos participantes. Ainda de acordo com Neto, o sucesso deste primeiro projeto deve levar à ampliação do número de participantes, através do aumento dos recursos da Conab que pode chegar até a R$ 160 mil.
 
Fonte:bahiaextraonline.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...