EM CASA

EM CASA

DAHIANA DIVULGAÇÃO

DAHIANA DIVULGAÇÃO

ADAUTO NASCIMENTO

ADAUTO NASCIMENTO

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

Rui Costa quer Canal do Sertão no Plano Nacional de Segurança Hídrica

Fonte Imprensa Rui Costa 

O governador eleito da Bahia, Rui Costa, definiu o projeto Canal do Sertão como o de maior relevância para a infraestrutura hídrica do estado ao se reunir, nesta segunda-feira (15), com o ministro da Integração Nacional, Francisco Teixeira, na sede do governo baiano, em Salvador. Também participaram da agenda técnicos do Estado e do governo federal.

Com a obra, também batizada como transposição do Eixo Sul do Rio São Francisco, mais de 40 municípios da Bahia vão receber água do rio para abastecimento humano, dessedentação animal, pecuária, aquicultura e revitalização de projetos de irrigação já existentes. A intervenção, que prevê R$6 bilhões em recursos, mudará a situação hídrica do Norte da Bahia.

O ministro recebeu a prioridade como parte da interlocução que pretende fazer junto aos estados, visando a elaboração do Plano Nacional de Segurança Hídrica, em que caberá aos entes federados a apresentação das suas demandas. “É necessário que cada estado aponte o que deve ser priorizado, aponte as grandes intervenções hierarquizadas. Viemos, hoje, conhecer as demandas da Bahia e vamos dar continuidade a esse processo”, explicou o ministro, que já esteve no Ceará, Pernambuco e Paraíba, para a mesma tarefa.

A área hídrica no estado da Bahia terá um novo olhar a partir de janeiro de 2015. O governador eleito propôs à Assembleia Legislativa, por meio de acordo com a atual gestão, e foi atendido na criação de uma secretaria de especifica para a área. O objetivo é focar e dar mais atenção aos recursos hídricos. Mais de 250 municípios baianos estão localizados no semiárido.

Além do Ministério da Integração Nacional e dos estados, participa da elaboração do Plano a Agência Nacional de Águas (ANA). A versão completa do documento deve ficar pronta em dois anos e o seu uso e planejamento são para mais de duas décadas.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...