EM CASA

EM CASA

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Arbitragem não vai bem nesta sexta

Por Zé do apito

Craques e simuladores desse meu Brasil, foi só eu falar bem da arbitragem nas primeiras 16 partidas da Copa do Mundo, que deu caca. Nesta sexta-feira, foram dois erros graves que tiveram interferência no jogo. Juro que eu não estava agourando, sempre quero o bem dos árbitros.
No jogo entre Alemanha e Sérvia, o lance capital foi a expulsão do atacante alemão Klose ainda no primeiro tempo. Mudou completamente o paronama da partida. O árbitro espanhol Alberto Undiano Mallenco deu segundo cartão amarelo ao jogador por uma falta leve, no meio-de-campo. Definitivamente, o segundo cartão não foi merecido (o primeiro foi).
E comigo não tem essa de segurar cartão só porque o jogador já foi advertido. Se for para a amarelo, tem de dar o segundo cartão e pronto. A regra não fala nada em "segunda chance". O segundo erro grave do dia foi no confronto entre Eslovênia e Estados Unidos, que terminou 2 a 2. O árbitro malinês Koman Coulibaly simplesmente enlouqueceu ao marcar falta de ataque em um agarra-agarra dentro da área no que seria o terceiro gol americano.
Haviam três jogadores americanos sendo agarrados, o que configuraria pênalti, e um desses jogadores, o capitão ianque Bocanegra, estava igualmente agarrando seu adversário. O árbitro viu somente a falta do americano. Nesse caso, antes que me perguntem, o ideal é fazer o preventivo. Falar com os jogadores antes da falta ajuda muito. Não creio que os árbitros citados sejam mal intencionados. Entretanto, creio que não poderemos analisá-los mais nesta Copa porque a Fifa não deve escalá-los novamente
Fonte: Yahoo! Esportes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...