DAHIANA DIVULGAÇÃO

DAHIANA DIVULGAÇÃO

IR

IR

ADAUTO NASCIMENTO

ADAUTO NASCIMENTO

SAAE

SAAE

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

Prefeitura de Ibicaraí quita salários de servidores do mês de fevereiro


ASCOM  Ibicaraí
Na quarta-feira, dia 22, o prefeito de Ibicaraí, Lula Brandão, autorizou as secretarias municipais competentes a realizarem o pagamento dos salários dos funcionários, relativo ao mês de fevereiro. De acordo com o secretário de Finanças, Flávio Campos, no mesmo dia foi depositado o dinheiro dos demais servidores e, na quinta-feira, 23, o setor concluiu o pagamento da Educação e Saúde.
De acordo com Brandão, a antecipação do vencimento aconteceu devido aos festejos carnavalescos. “Nos esforçamos para realizar os pagamentos antecipadamente, para que os servidores possam aproveitar o feriado com o salário na conta. Sabemos que é uma obrigação da administração e direito do trabalhador e estaremos sempre nos empenhando em realizar os repasses em dia. Pagamos todos os servidores, inclusive os médicos e agentes comunitários, que foram pagos com recursos próprios do município”, informou o prefeito.

Prefeito Lula Brandão recebe representantes do SINTESI



O prefeito de Ibicaraí, Lula Brandão, recebeu na manhã desta quinta-feira, 23, no seu gabinete, o presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Saúde de Itabuna e Região - SINTESI, José Raimundo, e alguns servidores da Saúde. Na oportunidade, o prefeito estava acompanhado do secretário de Saúde, Givanilson dos Santos (Van), do advogado José Carlos Júnior e do Chefe de Gabinete, José Alberone.

A reunião foi para discutir a regularização do quinquênio, fardamento dos funcionários, mais segurança para o hospital e as unidades básicas de saúde (UBS) do município e a licença prêmio, para os funcionários estatutários. Segundo Brandão, a ideia é atender e tentar resolver todas essas demandas.  “Meu governo será aberto a todos. Tenho recebido e ouvido reclamações e reivindicações e vou analisar e pontuar tudo. O servidor público municipal será sempre prioridade no meu governo”, disse Brandão.

Funcionários da secretaria de educação comemoraram com os aniversariantes da semana

 
Da esquerda Marlene Pereira, Prefeito Brandão, vice-prefeita e secretária de educação Adriana Assis,  Professora Iaciara Oliveira, professor Antonio  Narciso, professora Daniela Farias e a secretária de assitência social Alesandra Brandão


Na manhã desta quinta- feira (23), na sala da secretaria de educação, os diretores e professores lotados na secretaria organizaram um delicioso café da manhã, par comemorar juntamente com os aniversariantes da semana.

Desta vez os festejados foram à vice-prefeita e secretária de educação Adriana Assis e os servidores, Marlene Pereira, Iaciara Oliveira, Daniela Farias e Antonio Narciso.

Estiveram presentes o prefeito Lula Brandão, a primeira dama e secretaria de Assistência Social Alesandra Brandão demais secretários e serventuários da secretaria de educação.


O prefeito Brandão que também é pastor evangélico fez uma oração ao Deus criador dos céus e da terra, agradecendo pela vida dos aniversariantes supracitados.

Guarda Civil Municipal de Ibicaraí inicia programa nutricional



 ASCOM Ibicaraí Foto Arnold Coelho

A Guarda Civil Municipal de Ibicaraí (GCM) recebeu, na manhã de hoje, quinta-feira, 23, no ginásio de esportes Nicécio Bráulio, a visita do nutricionista Ubaldo Aboboreira Costa, para iniciar um programa nutricional com os guardas. Na oportunidade, foi feita uma anamnese física, reavaliando os GCM com aferição de pressão, peso, medida e o cálculo de índice de Massa Corporal (IMC). Na parte final da avaliação, foram feitas atividades físicas pelo instrutor Eduvirgens Santos, para avaliar a condição física.

De acordo com Eduvirgens, depois dessa avaliação inicial, os guardas irão passar por um clínico geral e um cardiologista, para ter ciência da real situação da saúde. "Solicitei do prefeito Lula Brandão uma parceria com a Secretaria de Saúde para disponibilizar dois médicos: um clínico geral e um cardiologista, para fazer uma bateria de exames com toda a guarda. Brandão sinalizou de forma positiva ao meu pedido. Em breve, toda a Guarda Municipal passará por essa avaliação médica", disse Eduvirgens.

O nutricionista Ubaldo Aboboreira fez uma avaliação de IMC com os presentes, pediu uma bateria de exames e ficou de voltar na próxima semana para iniciar um programa de reeducação alimentar. "A ideia é saber as necessidades e carências de cada guarda e fazer um programa alimentar individual, pois percebi que existem casos em que será preciso perder peso e casos em que o indivíduo precisa ganhar massa muscular. Estamos fazendo uma parceria com a equipe do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF), que fará os exames preliminares", disse Ubaldo.

Prefeitura de Ibicaraí empossa novos diretores municipais




ASCOM Ibicaraí

Na manhã de ontem, terça-feira, dia 20, na Câmara de Vereadores, a Prefeitura de Ibicaraí, através da secretaria de Educação, deu posse aos novos diretores dos colégios municipais. No evento, estavam presentes o prefeito Lula Brandão, a vice-prefeita e secretária de Educação, Adriana Assis, e a primeira-dama e secretária de Assistência Social, Alesandra Brandão.

Na oportunidade, o prefeito Brandão falou das dificuldades encontradas nos seus primeiros meses de gestão, da situação precária das escolas municipais e dos critérios usados para as escolhas dos novos diretores, vices e coordenadores de educação. “Os diretores foram escolhidos pelo profissionalismo e perfil dos novos empossados. E, sobre a situação do município, faremos o possível para reverter esse quadro de total abandono das escolas, por parte da gestão anterior. Diante de tudo isso que estamos vivenciando, peço a todos vocês educadores, um compromisso maior em melhorarmos a educação do nosso município. Pretendo também premiar ao final de cada ano letivo a escola que melhor se destacar”, disse Lula.

Durante a posse, Adriana Assis enfatizou a vinda de novos projetos educacionais para a educação básica, como o “Programa Despertar” destinado à zona rural; o “Adab nas Escolas”, projeto destinado a zona urbana; o “Educação Empreendedora” , através  do SEBRAE, que já acontece em outras regiões há mais de cinco anos, cujo projeto será implantado em duas escolas do município e que deverão ter no mínimo 250 alunos; o programa “Brasil Alfabetizado”, que servirá de base para o EJA (educação de Jovens e Adultos), que  tem a finalidade de erradicar o analfabetismo no nosso país.

Adriana falou ainda das parcerias com as outras secretarias, como a Social e a Saúde, e dos projetos envolvendo a prática de esportes e Cultura, da Feira de Arte e Cultura, do programa “Saúde da Mulher”, que acontecerá no mês de maio, “Saúde do Homem”, no mês de agosto, e do “Encontro Pedagógico”, programado para o dia 02 de março. “A partir de hoje, os educadores contarão com a total confiança do prefeito Lula Brandão e também da minha confiança. Não abriremos mão de uma educação de qualidade e do respeito aos pais e alunos das nossas escolas. Não é a toa que escolhemos o tema Educação cidadã: Um compromisso de todos”, finalizou Adriana.

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Prefeito de Ibicaraí abre trabalho do legislativo e declara: “Encontramos o município abandonado”

 

ASCOM Ibicaraí
Na noite da última segunda-feira, dia 20, o prefeito de Ibicaraí, Lula Brandão, realizou a abertura dos trabalhos do Legislativo de 2017. Durante a sessão, o prefeito relatou a situação que recebeu o município. Segundo Brandão, ao iniciar a gestão, encontrou a cidade totalmente abandonada, demonstrando completo descaso, pela gestão anterior, e desperdício do dinheiro público.

Na educação, o prefeito relatou, durante o seu discurso, ter encontrado existência de grandes divergências salariais na folha de pagamento dos servidores da educação de dezembro de 2016, que inclusive não foi paga pela gestão passada. Além de pagamento de funcionários fantasmas, pagamento sem critério do auxílio transporte e pessoas aposentadas que ainda estavam na folha de pagamento. De acordo com Brandão, tais inconsistências, na pasta, geravam uma despesa mensal de R$80.000,00, sem falar do débito com fornecedores e aluguéis.

Ainda sobre a educação, o gestor fez questão de destacar a precariedade que acharam as unidades escolares e os equipamentos esportivos, além dos Convênios da Educação e Esporte, que se encontram irregulares e impossibilitam o governo de buscar, junto ao Governo Federal, qualquer aditivo de prazo ou financeiro para a conclusão das obras, sendo necessário ter que devolver à União os recursos restantes“Encontramos prédios escolares que não têm as mínimas condições de funcionamento. Inclusive, tivemos que deslocar os estudantes de algumas unidades para outros prédios, até solucionar os problemas dos locais”, informou Brandão.

Na Saúde, segundo o relatório apresentado, os problemas vão desde a questão estrutural das Unidades de Saúde até a falta de medicamento nas farmácias municipais. “Recebemos os postos em péssimo estado de conservação, todas as carências estruturais foram detectadas e algumas já foram sanadas, restando obras que aguardam a finalização de processos licitatórios para começarem. Também encontramos um estoque baixo ou quase inexistente de remédios na farmácia básica do Município”, esclareceu Brandão.

Ainda durante a sessão, o prefeito destacou a situação precária que foi encontrada a secretaria de Infraestrutura, prejudicando o desenvolvimento das atividades atribuídas à pasta. “Cabe expor a inexistência de ferramentas para a realização dos serviços, bem como equipamentos de execução e de segurança para os servidores realizarem as atividades, a exemplo de luvas, botas, cintos de segurança, alicates, escadas e outros materiais simples, gerando assim, diversos transtornos na execução das ações”, informou o prefeito.

Ainda teve destaque no setor, a questão das ruas que precisam de calçamento ou pelo menos cascalhamento e patrolamento, praças abandonadas, ruas extremamente esburacadas, a Av. São Vicente de Paula, principal avenida da cidade, precisando de recapeamento asfáltico, a rede de esgoto com sérios problemas, bairros desprovidos de saneamento básico, feira livre desprezada, estradas vicinais com necessidade de restauração e cemitérios superlotados e necessitando de uma atenção especial.

“Quanto à limpeza pública, encontramos uma cidade “jogada às traças” e uma enorme falta de respeito com o cidadão ibicaraiense, que presenciava diariamente sujeira e amontoados de lixo espalhados pela cidade. Nesses 50 dias de governo, mesmo com toda a dificuldade e falta de equipamento, já conseguimos resolver diversos problemas e eliminar pontos viciados de entulho”, citou Brandão.

Sendo composta por 1 caçamba do PAC, 1 caçamba Mercedes, 1 caçamba Ford F11000, 2 motos niveladoras, 2 retroescavadeiras, 1 F4000 e 1 pá carregadeira, a frota de veículos também foi encontrada em estado de deterioração. “Todos os veículos foram recebidos com necessidade de troca de pneus, revisão e manutenção mecânica, sendo que alguns já estavam no nível de sucata. A caçamba F11000 estava com a parte elétrica e mecânica inexistente e necessitando de uma reforma em toda a chaparia, assim como a F4000. A pá carregadeira foi encontrada, assim como uma das motos niveladoras, sem a bateria de alimentação e necessitando de reparos na parte mecânica, enquanto que a outra moto niveladora demanda a aquisição da lâmina de patrolamento, do escarificador e da manutenção do sistema de refrigeração. Concluindo, as 2 retroescavadeiras foram deixadas com a necessidade de revisão, manutenção e aquisição de peças para recuperação mecânica” informou o gestor.

Por fim, o prefeito expôs a situação do Serviço Autônomo de Água e Esgoto-SAAE, que foi encontrado em situação similar ao da Administração Direta, necessitando de interferências urgentes na estrutura, como reforma e pintura na sede, além de péssima situação financeira e dívidas, como o INSS, salário de dezembro, férias, fornecedores e energia elétrica que, somadas, chegam a mais de R$ 200.000,00.

Estiveram presentes na sessão a vice-prefeita e secretária de Educação, Adriana Assis, a primeira-dama e secretária de Assistência social, Alesandra Brandão, o secretário de Infraestrutura, Thallis Leal, o secretário de Finanças, Flávio Campos, o secretário de Saúde, Givanilson dos Santos (Van), a secretária de Agricultura, Telma Elisia, diretor do SAAE, Ronaldo Estrela, o controlador Sóstenes Santos, o subprocurador Lameque Pascoal, os advogados Júnior e Adriano e o Major PM Wesley Bomfim Siqueira.

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Prefeito de Ibicaraí visita feira livre de Cajueiro



Na manhã desse domingo, dia 19, o prefeito de Ibicaraí, Lula Brandão, acompanhado da vice-prefeita e secretária de Educação, Adriana Assis, da secretária de Agricultura, Telma Elísia, do secretário de Infraestrutura, Thallis Leal, do secretário de Finanças, Flávio Campos, do Controlador Geral, Sóstenes Santos, do administrador do Cajueiro, José Antônio, do Major PM Wesley Bomfim Siqueirae dos vereadores Chico do Doce, Clícia Guerreira e Meire da Saúde, visitou a Feira Livre do distrito de Cajueiro.

Durante a visita, o prefeito conversou com os feirantes e ouviu do setor as solicitações para melhorias do local. O feirante e morador do Assentamento Vila Isabel, Leleu, se mostrou bastante otimista em relação à nova gestão e pediu que o prefeito olhasse com atenção para os feirantes. "Precisamos de algumas coisas simples para melhorar os nossos serviços, mas nosso maior pedido é que coloque uma cobertura no local, pois trabalhamos no sol quente", disse Leleu.

Segundo o prefeito Lula Brandão, ele vai sempre realizar essas visitas para poder ouvir a comunidade e ver de perto as necessidades da população. "Já fui feirante e sei as dificuldades desse setor. Temos muito interesse em realizar todas as melhorias necessárias na Feira Livre do Cajueiro. Durante a manhã, recebi algumas solicitações e iremos analisar todas. Teremos grandes novidades para o local", afirmou o prefeito.

Prefeito de Ibicaraí prestigia eleição da nova diretoria da Associação do Jacarandá



 ASCOM Ibicaraí

Na manhã do último domingo, dia 19, na fazenda Conjunto Boa Esperança, aconteceu a eleição da nova diretoria da “Associação do Jacarandá”. O prefeito Lula Brandão esteve no local, acompanhado da vice-prefeita e secretária de Educação, Adriana Assis, da primeira-dama e secretária de Assistência Social, Alesandra Brandão, do secretário de Administração e Finanças, Flávio Campos, do secretário de Infraestrutura, Thallis Leal, da secretária de Agricultura, Telma Elísia e do Major Pm Wesley Siqueira Bomfim. O presidente da Câmara de Vereadores Chico do Doce e a vereadora Clícia Guerreira também estiveram no local.

Com o lema “Unidos para vencer”, a nova diretoria foi eleita por unanimidade e é composta pelo Presidente, José Guilherme Souza Santos,  vice-presidente, Claudio dos Santos,  1º tesoureiro, Washington Marques Souza, 2º tesoureiro, Sérgio Souza Santos, 1ª secretária, Sandra Regina de Queiroz Santos, 2ª secretária, Franciele dos santos Oliveira,  1º fiscal, Ordival Gama de Oliveira,  2º fiscal, Arivaldo Moraes Santana, 3ª fiscal, Raimunda de Jesus Santos, e pelos suplentes fiscais: Ivanete Farias dos Santos Oliveira;  Porfiria Júnia de Queiroz Santos e José Adilson (Mário).

Após o resultado da eleição, o presidente José Guilherme S. Santos fez várias solicitações ao prefeito Brandão, como a revitalização de alguns ramais da estrada, da reforma do espaço físico do Grupo Escolar Lino Francisco dos Santos, que também serve como sede provisória daquela associação, ajuda para construção de uma sede própria para a associação e apoio da prefeitura através da secretária de Agricultura, para um melhor desempenho daquela associação.

A secretária de Agricultura, Telma Elisia, falou sobre a atuação da pasta junto aos fazendeiros e agricultores das zonas rurais, dos convênios que poderão ser firmados entre as associações, prefeitura e governo do Estado. “É necessário que os agricultores fortaleçam suas associações, regularizando-as devidamente, para que possamos firmar parcerias futuras, que venham atender e ajudar a nossa agricultura familiar”, disse Telma.

O prefeito Brandão, depois de ouvir atentamente as reivindicações do novo presidente José Guilherme e as colocações da secretária de agricultura, prometeu rever a situação daquela região, de promover uma reforma no espaço físico da escola e, se comprometeu ainda, como também ajudar as associações do município. “É necessário que estas parcerias aconteçam. Precisamos reforçar e apoiar a agricultura familiar, pois é do campo que tiramos o sustento da nossa cidade, além de gerar empregos e recursos para a União, Estados e municípios”, finalizou o prefeito Brandão.

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Senado analisa nesta semana indicação de Moraes ao STF e repatriação

Câmara, por outro lado, deve ter uma semana em ritmo mais lento; pauta ainda não foi definida, mas deputados podem aprovar urgência para projeto de interesse de estados endividados.

Senado vai analisar nesta semana a indicação de Alexandre de Moraes para o Supremo Tribunal Federal (STF). O ministro licenciado da Justiça será sabatinado pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) na próxima terça-feira (21). Na quarta (22), a indicação deve passar pelo crivo do plenário.

Os senadores também devem votar o projeto que reabre o prazo para a regularização de recursos mantidos ilegalmente no exterior. A proposta foi aprovada pelos deputados na semana passada.

Já na Câmara, o ritmo será mais lento. Há chance, porém, de os deputados analisarem um projeto que pode trazer alívio aos cofres de estados em crise fiscal.

Substituto de Teori


Na CCJ, Moraes vai responder a uma bateria de perguntas dos senadores. Essa fase deve se estender até a noite de terça-feira (21). Depois a CCJ, que tem nove senadores investigados pela Lava Jato, vai votar sobre a aprovação ou não do nome do novo ministro.

Independentemente do resultado da votação na comissão, a indicação de Moraes seguirá para o plenário principal do Senado, o que está previsto para acontecer na quarta-feira (22). Para o nome de Moraes ser aprovado, são necessários os votos favoráveis de, pelo menos, 41 senadores.

Se for aprovado pelo plenário, Moraes poderá tomar posse no STF como substituto do ex-ministro Teori Zavascki, morto em um acidente aéreono mês passado. Ele passará a ser o revisor da Lava Jato na Suprema Corte.

Repatriação


Antes de votar a indicação de Moraes em plenário, os senadores devem reexaminar na terça-feira o projeto que cria uma nova etapa de repatriação de recursos mantidos irregularmente no exterior.

O texto, que tem origem no Senado, foi aprovado pela Casa no fim do ano passado, mas, ao passar pela Câmara, na última semana , foi alterado pelos deputados e precisa ser reanalisado pelos senadores.

Os deputados modificaram o texto para vedar, no programa, a participação de parentes de políticos, que ficam proibidos de repatriar recursos não-declarados que estão no exterior.

Os deputados também alteraram as alíquotas de imposto e multa que serão aplicadas sobre os montantes repatriados.

O projeto aprovado por senadores previa multa de 17,5% e imposto também de 17,5%. Na Câmara, contudo, as taxas foram alteradas: a multa subiu para 20% e o imposto reduzido a 15%.

Se os senadores aprovarem o projeto, o texto seguirá para a sanção do presidente da República.

Outro item que está na pauta de votações do Senado é uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que veda a alteração de contratos de órgãos públicos por medida provisória.

Defensores da PEC afirmam que, se o texto for aprovado, as empresas que firmam contratos com a administração pública terão mais estabilidade e segurança jurídica.

Trabalhos na Câmara


Na semana que antecede o Carnaval, os deputados vão engatar marcha lenta nos trabalhos da Câmara. A pauta do plenário ainda é incerta, mas há a possibilidade de análise de um item de interesse do Rio de Janeiro e outros estados em crise.

Trata-se da votação de um pedido de urgência para um projeto que autoriza os governos municipais, estaduais e federal a repassarem dívidas que têm a receber para instituições financeiras. A medida permite que seja antecipado o recebimento de recursos pelos governos, que vivem momento de crise fiscal.

Ainda sem definição da composição e dos comandos das comissões permanentes, estarão em funcionamento apenas alguns colegiados temporários. A comissão da reforma da Previdência, por exemplo, terá audiência pública na terça-feira (21) com representantes de centrais sindicais e o presidente do INSS, 

Leonardo de Melo Gadelha.


A comissão que analisa a proposta de reforma trabalhista também terá audiência pública na terça. São convidados representantes do Ministério do Trabalho e do Ministério Público do Trabalho, além do advogado trabalhista José Eduardo Pastore.

10 anos após Lei do Saneamento, setor ainda atrai pouco investimento

Apenas 316 cidades (5% dos municípios) contam com empresas privadas de água e esgoto. Ritmo de investimentos setor pode ganhar impulso com programa de privatização do BNDES.

 Passados 10 anos da criação da Lei 11.445, conhecida como a Lei do Saneamento, os investimentos em água e esgoto pouco avançaram, recebendo volumes de recursos abaixo das necessidades do país e com uma participação ainda tímida do setor privado.

Num país em que metade da população não tem acesso à coleta de esgoto, o saneamento permanece como o setor de infraestrutura com o menor volume de investimentos no Brasil. Segundo pesquisa da Confederação Nacional da Indústria (CNI), o segmento recebeu menos de 10% do total de gastos em obras de infraestrutura feitos no país entre 2007 e 2014, bem atrás de áreas como transportes, telecomunicações e energia elétrica.

Segundo analistas e agentes do setor de saneamento ouvidos pelo G1, ainda que o setor demande um maior número de linhas de financiamento, é necessário maior "vontade política" para tratar o assunto como prioritário e fazer com que sejam cumpridos pontos já regulamentados pela lei.

Um deles é a obrigatoriedade de elaboração de planos municipais de saneamento básico (PMSB) – ponto de partida para qualquer planejamento de longo prazo para universalização dos serviços de água e esgoto. A data limite para as prefeituras cumprirem a exigência deveria acontecer no final de 2015, mas foi adiada para até 31 de dezembro de 2017.

"A lei veio nortear e dar amparo legal para as empresas que operam com contratos firmados com os municípios, que são o poder concedente. Mas os avanços nos últimos 10 anos foram muito tímidos. Os indicadores de saneamento continuam lamentáveis e pífios", diz o presidente da Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental (Abes), Roberval Tavares. "Hoje, temos mais escolas públicas com acesso à internet do que esgoto coletado e captado nas mesma escolas", compara.


Secretaria de Agricultura de Ibicaraí já realizou mais de 50 cadastros para regularização fundiária




 ASCOM Ibicaraí Fotos Arnold Coelho

Desde o mês de janeiro, a prefeitura de Ibicaraí, através da secretaria de Agricultura, e em parceria com o Consórcio de Desenvolvimento Sustentável Litoral Sul (CDS-LS), vem realizando reuniões para cadastramento de pequenos donos de propriedades rurais para a regularização fundiária. Na quinta-feira, dia 16, o encontro aconteceu na Câmara Municipal e, com a última ação, já foram totalizados cerca de 50 cadastros.  
Segundo a secretária de Agricultura, Telma Elisa, a regularização fundiária das propriedades rurais garante ao trabalhador rural o título definitivo da terra e a inserção dos mesmos nas políticas públicas do Governo do Estado. "Já realizamos cerca de 50 cadastros e nossa meta é entregar os 363 títulos de terra disponíveis e estamos promovendo, paralelo a essa ação, o licenciamento ambiental. Na próxima quinta-feira, 23, iremos apresentar o programa Bahia Produtiva, projeto do Governo do Estado, por meio da SDR/CAR e marcamos para o dia 02 de março uma nova etapa do cadastro para regularização fundiária”, disse a secretária.
Cadastramento - O cadastro teve início no final do mês de janeiro, no distrito do Cajueiro. Na semana seguinte, a região contemplada foi a da Rua Enxuta, que contou com a presença dos técnicos do CDS-LS. A Vila Santa Isabel recebeu, em seguida, a equipe da secretaria Municipal de Agricultura, que atendeu o distrito no período da manhã e a região do Jacarandá no período da tarde.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...