DAHIANA DIVULGAÇÃO

DAHIANA DIVULGAÇÃO

SAAE

SAAE

MARIA FLOR

MARIA FLOR

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Prefeito de Ibicaraí visita feira livre de Cajueiro



Na manhã desse domingo, dia 19, o prefeito de Ibicaraí, Lula Brandão, acompanhado da vice-prefeita e secretária de Educação, Adriana Assis, da secretária de Agricultura, Telma Elísia, do secretário de Infraestrutura, Thallis Leal, do secretário de Finanças, Flávio Campos, do Controlador Geral, Sóstenes Santos, do administrador do Cajueiro, José Antônio, do Major PM Wesley Bomfim Siqueirae dos vereadores Chico do Doce, Clícia Guerreira e Meire da Saúde, visitou a Feira Livre do distrito de Cajueiro.

Durante a visita, o prefeito conversou com os feirantes e ouviu do setor as solicitações para melhorias do local. O feirante e morador do Assentamento Vila Isabel, Leleu, se mostrou bastante otimista em relação à nova gestão e pediu que o prefeito olhasse com atenção para os feirantes. "Precisamos de algumas coisas simples para melhorar os nossos serviços, mas nosso maior pedido é que coloque uma cobertura no local, pois trabalhamos no sol quente", disse Leleu.

Segundo o prefeito Lula Brandão, ele vai sempre realizar essas visitas para poder ouvir a comunidade e ver de perto as necessidades da população. "Já fui feirante e sei as dificuldades desse setor. Temos muito interesse em realizar todas as melhorias necessárias na Feira Livre do Cajueiro. Durante a manhã, recebi algumas solicitações e iremos analisar todas. Teremos grandes novidades para o local", afirmou o prefeito.

Prefeito de Ibicaraí prestigia eleição da nova diretoria da Associação do Jacarandá



 ASCOM Ibicaraí

Na manhã do último domingo, dia 19, na fazenda Conjunto Boa Esperança, aconteceu a eleição da nova diretoria da “Associação do Jacarandá”. O prefeito Lula Brandão esteve no local, acompanhado da vice-prefeita e secretária de Educação, Adriana Assis, da primeira-dama e secretária de Assistência Social, Alesandra Brandão, do secretário de Administração e Finanças, Flávio Campos, do secretário de Infraestrutura, Thallis Leal, da secretária de Agricultura, Telma Elísia e do Major Pm Wesley Siqueira Bomfim. O presidente da Câmara de Vereadores Chico do Doce e a vereadora Clícia Guerreira também estiveram no local.

Com o lema “Unidos para vencer”, a nova diretoria foi eleita por unanimidade e é composta pelo Presidente, José Guilherme Souza Santos,  vice-presidente, Claudio dos Santos,  1º tesoureiro, Washington Marques Souza, 2º tesoureiro, Sérgio Souza Santos, 1ª secretária, Sandra Regina de Queiroz Santos, 2ª secretária, Franciele dos santos Oliveira,  1º fiscal, Ordival Gama de Oliveira,  2º fiscal, Arivaldo Moraes Santana, 3ª fiscal, Raimunda de Jesus Santos, e pelos suplentes fiscais: Ivanete Farias dos Santos Oliveira;  Porfiria Júnia de Queiroz Santos e José Adilson (Mário).

Após o resultado da eleição, o presidente José Guilherme S. Santos fez várias solicitações ao prefeito Brandão, como a revitalização de alguns ramais da estrada, da reforma do espaço físico do Grupo Escolar Lino Francisco dos Santos, que também serve como sede provisória daquela associação, ajuda para construção de uma sede própria para a associação e apoio da prefeitura através da secretária de Agricultura, para um melhor desempenho daquela associação.

A secretária de Agricultura, Telma Elisia, falou sobre a atuação da pasta junto aos fazendeiros e agricultores das zonas rurais, dos convênios que poderão ser firmados entre as associações, prefeitura e governo do Estado. “É necessário que os agricultores fortaleçam suas associações, regularizando-as devidamente, para que possamos firmar parcerias futuras, que venham atender e ajudar a nossa agricultura familiar”, disse Telma.

O prefeito Brandão, depois de ouvir atentamente as reivindicações do novo presidente José Guilherme e as colocações da secretária de agricultura, prometeu rever a situação daquela região, de promover uma reforma no espaço físico da escola e, se comprometeu ainda, como também ajudar as associações do município. “É necessário que estas parcerias aconteçam. Precisamos reforçar e apoiar a agricultura familiar, pois é do campo que tiramos o sustento da nossa cidade, além de gerar empregos e recursos para a União, Estados e municípios”, finalizou o prefeito Brandão.

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Senado analisa nesta semana indicação de Moraes ao STF e repatriação

Câmara, por outro lado, deve ter uma semana em ritmo mais lento; pauta ainda não foi definida, mas deputados podem aprovar urgência para projeto de interesse de estados endividados.

Senado vai analisar nesta semana a indicação de Alexandre de Moraes para o Supremo Tribunal Federal (STF). O ministro licenciado da Justiça será sabatinado pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) na próxima terça-feira (21). Na quarta (22), a indicação deve passar pelo crivo do plenário.

Os senadores também devem votar o projeto que reabre o prazo para a regularização de recursos mantidos ilegalmente no exterior. A proposta foi aprovada pelos deputados na semana passada.

Já na Câmara, o ritmo será mais lento. Há chance, porém, de os deputados analisarem um projeto que pode trazer alívio aos cofres de estados em crise fiscal.

Substituto de Teori


Na CCJ, Moraes vai responder a uma bateria de perguntas dos senadores. Essa fase deve se estender até a noite de terça-feira (21). Depois a CCJ, que tem nove senadores investigados pela Lava Jato, vai votar sobre a aprovação ou não do nome do novo ministro.

Independentemente do resultado da votação na comissão, a indicação de Moraes seguirá para o plenário principal do Senado, o que está previsto para acontecer na quarta-feira (22). Para o nome de Moraes ser aprovado, são necessários os votos favoráveis de, pelo menos, 41 senadores.

Se for aprovado pelo plenário, Moraes poderá tomar posse no STF como substituto do ex-ministro Teori Zavascki, morto em um acidente aéreono mês passado. Ele passará a ser o revisor da Lava Jato na Suprema Corte.

Repatriação


Antes de votar a indicação de Moraes em plenário, os senadores devem reexaminar na terça-feira o projeto que cria uma nova etapa de repatriação de recursos mantidos irregularmente no exterior.

O texto, que tem origem no Senado, foi aprovado pela Casa no fim do ano passado, mas, ao passar pela Câmara, na última semana , foi alterado pelos deputados e precisa ser reanalisado pelos senadores.

Os deputados modificaram o texto para vedar, no programa, a participação de parentes de políticos, que ficam proibidos de repatriar recursos não-declarados que estão no exterior.

Os deputados também alteraram as alíquotas de imposto e multa que serão aplicadas sobre os montantes repatriados.

O projeto aprovado por senadores previa multa de 17,5% e imposto também de 17,5%. Na Câmara, contudo, as taxas foram alteradas: a multa subiu para 20% e o imposto reduzido a 15%.

Se os senadores aprovarem o projeto, o texto seguirá para a sanção do presidente da República.

Outro item que está na pauta de votações do Senado é uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que veda a alteração de contratos de órgãos públicos por medida provisória.

Defensores da PEC afirmam que, se o texto for aprovado, as empresas que firmam contratos com a administração pública terão mais estabilidade e segurança jurídica.

Trabalhos na Câmara


Na semana que antecede o Carnaval, os deputados vão engatar marcha lenta nos trabalhos da Câmara. A pauta do plenário ainda é incerta, mas há a possibilidade de análise de um item de interesse do Rio de Janeiro e outros estados em crise.

Trata-se da votação de um pedido de urgência para um projeto que autoriza os governos municipais, estaduais e federal a repassarem dívidas que têm a receber para instituições financeiras. A medida permite que seja antecipado o recebimento de recursos pelos governos, que vivem momento de crise fiscal.

Ainda sem definição da composição e dos comandos das comissões permanentes, estarão em funcionamento apenas alguns colegiados temporários. A comissão da reforma da Previdência, por exemplo, terá audiência pública na terça-feira (21) com representantes de centrais sindicais e o presidente do INSS, 

Leonardo de Melo Gadelha.


A comissão que analisa a proposta de reforma trabalhista também terá audiência pública na terça. São convidados representantes do Ministério do Trabalho e do Ministério Público do Trabalho, além do advogado trabalhista José Eduardo Pastore.

10 anos após Lei do Saneamento, setor ainda atrai pouco investimento

Apenas 316 cidades (5% dos municípios) contam com empresas privadas de água e esgoto. Ritmo de investimentos setor pode ganhar impulso com programa de privatização do BNDES.

 Passados 10 anos da criação da Lei 11.445, conhecida como a Lei do Saneamento, os investimentos em água e esgoto pouco avançaram, recebendo volumes de recursos abaixo das necessidades do país e com uma participação ainda tímida do setor privado.

Num país em que metade da população não tem acesso à coleta de esgoto, o saneamento permanece como o setor de infraestrutura com o menor volume de investimentos no Brasil. Segundo pesquisa da Confederação Nacional da Indústria (CNI), o segmento recebeu menos de 10% do total de gastos em obras de infraestrutura feitos no país entre 2007 e 2014, bem atrás de áreas como transportes, telecomunicações e energia elétrica.

Segundo analistas e agentes do setor de saneamento ouvidos pelo G1, ainda que o setor demande um maior número de linhas de financiamento, é necessário maior "vontade política" para tratar o assunto como prioritário e fazer com que sejam cumpridos pontos já regulamentados pela lei.

Um deles é a obrigatoriedade de elaboração de planos municipais de saneamento básico (PMSB) – ponto de partida para qualquer planejamento de longo prazo para universalização dos serviços de água e esgoto. A data limite para as prefeituras cumprirem a exigência deveria acontecer no final de 2015, mas foi adiada para até 31 de dezembro de 2017.

"A lei veio nortear e dar amparo legal para as empresas que operam com contratos firmados com os municípios, que são o poder concedente. Mas os avanços nos últimos 10 anos foram muito tímidos. Os indicadores de saneamento continuam lamentáveis e pífios", diz o presidente da Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental (Abes), Roberval Tavares. "Hoje, temos mais escolas públicas com acesso à internet do que esgoto coletado e captado nas mesma escolas", compara.


Secretaria de Agricultura de Ibicaraí já realizou mais de 50 cadastros para regularização fundiária




 ASCOM Ibicaraí Fotos Arnold Coelho

Desde o mês de janeiro, a prefeitura de Ibicaraí, através da secretaria de Agricultura, e em parceria com o Consórcio de Desenvolvimento Sustentável Litoral Sul (CDS-LS), vem realizando reuniões para cadastramento de pequenos donos de propriedades rurais para a regularização fundiária. Na quinta-feira, dia 16, o encontro aconteceu na Câmara Municipal e, com a última ação, já foram totalizados cerca de 50 cadastros.  
Segundo a secretária de Agricultura, Telma Elisa, a regularização fundiária das propriedades rurais garante ao trabalhador rural o título definitivo da terra e a inserção dos mesmos nas políticas públicas do Governo do Estado. "Já realizamos cerca de 50 cadastros e nossa meta é entregar os 363 títulos de terra disponíveis e estamos promovendo, paralelo a essa ação, o licenciamento ambiental. Na próxima quinta-feira, 23, iremos apresentar o programa Bahia Produtiva, projeto do Governo do Estado, por meio da SDR/CAR e marcamos para o dia 02 de março uma nova etapa do cadastro para regularização fundiária”, disse a secretária.
Cadastramento - O cadastro teve início no final do mês de janeiro, no distrito do Cajueiro. Na semana seguinte, a região contemplada foi a da Rua Enxuta, que contou com a presença dos técnicos do CDS-LS. A Vila Santa Isabel recebeu, em seguida, a equipe da secretaria Municipal de Agricultura, que atendeu o distrito no período da manhã e a região do Jacarandá no período da tarde.

sábado, 18 de fevereiro de 2017

Secretaria de Saúde de Ibicaraí realiza 1º Seminário de Integração de Redes de Atenção Básica





Na manhã desta sexta–feira, dia 17, no salão social do Clube dos Quarenta, aconteceu o 1º Seminário de Integração de Redes da Atenção Básica, promovido pela Secretaria de Saúde de Ibicaraí. O evento contou com a presença do prefeito Lula Brandão, da primeira dama e secretária de Assistência Social, Alesandra Brandão, da vice-prefeita e secretária de Educação, Adriana Assis, do secretário de Saúde, Givanilson Francisco (Van), da psicóloga Adriana Francisco, do vereador Aroldo Abreu.

Durante o encontro, o prefeito Brandão enfatizou a importância dos profissionais da saúde. “Em nossa gestão, a saúde de Ibicaraí vai se tornar referência na Bahia e, para isso, temos que ter os profissionais valorizados com boas condições de trabalho e atendendo bem a todos”. Para o prefeito, a administração municipal continuará parceira do servidor, mantendo salários compatíveis e em dia, além de oferecer condições de trabalho dignas.

O secretário de Saúde fez um levantamento das ações da pasta nestes quase 50 dias de gestão. “Estamos acompanhando todos os departamentos e já temos um relatório detalhado da situação da área e, ao comparar como pegamos a secretaria de Saúde e como ela está hoje, podemos ver uma mudança clara de postura ao lidar com o bem estar de nossa comunidade”, afirmou Givanilson (Van).

A vice-prefeita e secretária de Educação, Adriana Assis, afirmou que tem observado a população mais confiante e satisfeita com os serviços de Saúde. “Vejo que os munícipes estão confiantes no novo jeito de trabalho da secretaria de saúde”. Adriana Assis declarou ainda que a população tem recebido bem o jeito de trabalhar do prefeito Lula Brandão, focado no cuidado com cada um ibicaraiense.

A soma de esforços entre as secretarias de Saúde e de Assistência Social foi destacada pela primeira dama e secretária, Alessandra Brandão. “Estamos trabalhando em sintonia, pois entendemos e é determinação do prefeito, que um secretário deve ter harmonia com o outro, e nós da Social temos uma boa parceria com a saúde, pois os programas dessas áreas estão irmanados. Por isso, tenho certeza que esta parceria reflete positivamente na comunidade”.

Rede – De acordo com a palestrante, a enfermeira Larissa Pimentel, o evento conseguiu reunir todos os profissionais da Saúde do município. Ela explica que o objetivo das RAS – Redes de Atenção a Saúde é promover a integração sistêmica de ações e serviços, com previsão de ação continua, integral, de qualidade, responsável e humanizada, bem como incrementar o desempenho do sistema em termos de acessos, equidade, eficácia clínica e sanitária além de eficiência econômica.

Nesse âmbito, as ações da Secretaria de Saúde se juntam ao Programa Nacional de Acesso e Melhoria da Qualidade da Atenção Básica, além dos eixos PSE – Programa de Saúde na Escola, NASF – Núcleo de Apoio a Saúde da Família, SB – Saúde Bucal, Vigilância Epidemiológica, VISA – Vigilância Sanitária, CAPS – Centro de Atenção Psicossocial, CRAS, CREAS e o HAMM – Hospital Arlete Marom de Magalhães.

Prefeitura de Ibicaraí entrega cartões do Bolsa Família para 28 novos beneficiários



ASCOM Ibicaraí Fotos Arnold Coelho

Aconteceu na manhã desta sexta-feira, dia 17, na Casa do Programa Bolsa Família, a entrega de cartões do Programa Bolsa Família para 28 novos beneficiários, em Ibicaraí.  Na oportunidade, estiveram presentes o prefeito Lula Brandão, a vice-prefeita e secretária de Educação, Adriana Assis, a primeira-dama e secretária de Assistência Social, Alesandra Brandão, e a equipe da respectiva secretaria.

A Diretora do Programa Bolsa Família, Josciele Barbosa, agradeceu a todos os presentes e falou da importância do programa para os novos beneficiários e das condições exigidas pelo programa, que possui uma série de requisitos para se tornar um beneficiário como, por exemplo, ter 85% de presença escolar e estar com a caderneta de saúde em dia.

A Secretária de Educação falou da parceria com a secretaria de Assistência Social e afirmou que o Programa Bolsa Família valoriza toda a família, já que o mesmo depende da frequência dos filhos dos beneficiários nas escolas e também nos registros da Secretaria de Saúde, com seus devidos dados cadastrais atualizados.

Para Alessandra Brandão, a entrega desses cartões é motivo de muita alegria. “Estou muito feliz com a entrega dos novos cartões, pois sei das dificuldades encontradas por muitos pais e mães em conseguirem o benefício. Vamos continuar lutando para que possamos ampliar ainda mais o número de famílias a serem contempladas por esse programa importantíssimo para as pessoas de baixa renda”, disse a secretária.

Durante a ação, o prefeito Lula Brandão destacou a demora na entrega dos cartões. “Em gestões anteriores, muitas famílias, que não se enquadravam nas exigências, recebiam indevidamente o benefício. Por isso, estas que estão recebendo hoje foram prejudicadas de alguma forma, pois já poderiam estar recebendo há mais tempo”.

Em seguida, Brandão alertou as famílias em relação às exigências para não perderem o benefício. “É grande a responsabilidades de vocês, que estão recebendo os novos cartões. Cabe a vocês acompanharem a frequência dos seus filhos nas escolas e as idas aos Postos de Saúde, para que não percam esse direito que é garantido pelo Governo Federal,” finalizou o prefeito Brandão. 

Bolsa Família - O Bolsa Família de Ibicaraí funciona das 08h às 12h e das 14h às 17h, de segunda a sexta-feira, na Rua 2 de Julho, e possui um telefone para denúncias: 3242-1996.

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

Real é moeda que mais se valoriza em um ano em relação ao dólar


Do UOL, em São Paulo



O real foi a moeda que mais se valorizou em relação ao dólar em um ano, considerando 15 das principais moedas do mundo. 
Entre 14 de fevereiro de 2016 e 14 de fevereiro agora (terça-feira), o dólar perdeu 22,28% em relação ao real. O dólar tem tido quedas expressivas nos últimos dias. Na quarta-feira (15), fechou em R$ 3,067, menor valor desde junho de 2015.
Em segundo e terceiro lugares, vieram o peso colombiano (16,29%) e o peso chileno (9,96% de desvalorização do dólar). Já o euro caiu na comparação com o dólar, com a moeda norte-americana se valorizando 5,99%. Em relação à libra, o dólar ganhou 16%. Os dados foram calculados pela consultoria Economatica, a pedido do UOL.
Confira a variação do dólar em relação a outras moedas (de 14/2/16 a 14/2/17):
  • Real -22,28%
  • Peso Colombiano -16,29%
  • Peso Chileno -9,96%
  • Dólar Australiano -7,27%
  • Novo Sol (Peru) -6,93%
  • Dólar Taiwanês -6,19%
  • Dólar Canadense -5,47%
  • Won (Coreia) -5,11%
  • Iene (Japão) 0,48%
  • Franco Suíço 2,74%
  • Yuan (China) 4,71%
  • Peso Argentino 5,61%
  • Euro 5,99%
  • Peso Mexicano 6,89%
  • Libra 16%


Considerando o período de um mês, até o dia 14, o real foi a segunda moeda que mais se valorizou em relação ao dólar (a moeda americana perdeu 3,22%). Em primeiro lugar, ficou o peso mexicano (5,93%).Em um mês, real ficou em segundo

De acordo com o presidente da Economatica no Brasil, Fernando Exel, se for levado em conta um prazo maior, de cinco anos, por exemplo, a moeda norte-americana se valorizou em relação ao real em 80,54%, perdendo apenas para o peso argentino, com alta de 261,97%

Secretaria de Assistência Social elege funcionário do mês



A secretaria de Assistência Social, através da primeira dama e secretária de Assistência Social, Alesandra Brandão, a fim de incentivar o bom funcionamento da secretaria, criou a eleição do funcionário do mês da respectiva pasta. Segundo informou a secretária, a escolha do funcionário do mês de janeiro foi feita em forma de votação interna, no prédio da prefeitura.

Nesta primeira edição da eleição, o funcionário eleito foi o gestor financeiro da Secretaria, Murilo Nascimento. De acordo com a secretaria, o setor irá realizar eleições todos os meses. “Entendemos que os funcionários precisam ser incentivados e nada melhor que oferecer a eles este reconhecimento, pois assim, cada um dará o seu melhor”,informou Alesandra.

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Prefeitura desloca alunos da Escola Ressurgir para salas do colégio Ana Nery



ASCOM Ibicaraí 

Aconteceu, na tarde da última sexta-feira, dia 10, no prédio do colégio Ressurgir, uma reunião com a vice-prefeita e secretária de Educação de Ibicaraí, Adriana Assis, professores, pais e alunos, para falar sobre o atual estado das dependências da Escola Ressurgir. Durante a reunião, a secretária anunciou que os alunos matriculados na Escola serão deslocados, provisoriamente, para salas do colégio Estadual Ana Nery.

Segundo a secretaria, a medida foi tomada devido à falta de segurança na estrutura do local. "O prefeito Lula Brandão, assim como toda a nossa equipe, está preocupado em oferecer, aos alunos, uma escola de qualidade com quadra, cantina e espaço para recreação. Precisamos evitar que episódios, como o que aconteceu no ano passado, quando algumas telhas e ripões caíram na sala de aula, atingindo a professora e alguns alunos, se repitam", disse Adriana.

Na oportunidade, Adriana informou que a medida é temporária, até que haja uma definição por parte do prefeito Lula Brandão, pois o colégio Ressurgir não pertence ao município, e sim ao Centro Educacional Cenecista de Ibicaraí (CNEC). “O município fez uma proposta para adquirir o prédio e não houve êxito. Por isso, vai acontecer a mudança de aproximadamente 180 alunos de seis turmas, três do matutino e três do vespertino, além de uma turma noturna da Educação para Jovens e Adultos (EJA)", finalizou a secretária.

Estiveram presentes na reunião os professores Fábio Oliveira, Karla Alves, Claudinea Souza, Ivone Moreira, Mirandir Dias, Raimunda de Andrade, Tâmara Macedo, Belmira Rodrigues, Sônia Campos, Miriam Leite, Maria Hélcia, Cristiane Henrique e Dionei Cavalcante.

Prefeito de Ibicaraí reúne com secretários para avaliação do primeiro mês de governo




Na manhã desta segunda-feira, dia 13, o prefeito de Ibicaraí, Lula Brandão, se reuniu com os secretários e avaliou, com cada um, os primeiros quarenta dias de governo. Na oportunidade, o prefeito ouviu de cada secretário o relato dos pontos positivos e negativos das respectivas pastas.

Durante a reunião, o prefeito Brandão informou que tem se movimentado junto às esferas estaduais e federais, a fim de conseguir recursos para o município. Para isso, já fez a entrega pessoalmente de mais de trinta solicitações, em favor do município de Ibicaraí, a exemplo do DENIT, Secretaria de Saúde do Estado, Comando Geral da Policia Militar, Ministério da Saúde, SUDESB, ministério de Minas e Energia, EMBASA e Secretaria de Infraestrutura do Estado.

Segundo o prefeito, é de extrema importância avaliar as ações dos primeiros dias de governo. “Ouvi atentamente, durante a reunião, os problemas de cada pasta e vamos continuar melhorando as ações que deram certo, nesses primeiros dias, e consertando as que não deram. O povo precisa sentir orgulho do lugar onde vive. Tenho trabalhado todos os dias em prol do anseio da população e todos que compõem minha equipe de governo são capazes e, por isso, os escolhi.”, disse Brandão. 

Na oportunidade estavam presente, a vice-prefeita e secretária de Educação, Adriana Assis, a primeira dama e secretária de Assistência Social, Alesandra Brandão, a secretária de Agricultura, Telma Matos, o secretário de Infraestrutura, Thallis Leal, o secretário de Saúde, Givanilson Francisco (Van), o controlador Interno, Sóstenes Santos, o secretário de Administração e Finanças, Flávio Campos, o representante da Procuradoria, Adriano Carvalho, e o diretor do SAAE, Ronaldo Estrela.

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

Heróis não morrem

José Adervan  1943/2017

Por Arnold Coelho

Um dia, em um passado não tão distante, em uma redação de jornal, um amigo meu chegou triste e me disse a seguinte frase: "você descobre que está ficando velho quando começa a ir ao velório dos amigos". Na hora ouvi e não dei muita atenção para aquele momento de desabafo e tristeza. Hoje entendo que a preocupação do meu amigo Antonio Lopes não era com o fato de 'estar ficando velho' e sim, com a perda dos amigos que começam a partir com o passar do tempo.

Nessa mesma redação do Jornal Agora eu aprendi muitas outras experiências de vida. Literalmente me formei na universidade da vida ao lado de tantos amigos intelectuais. Sou um cara de pouca escolaridade. Entrei pouco em uma sala de aula, pois desde cedo minha vida foi sempre voltada para trabalhar e o trabalho me levou até os meus heróis. Isso mesmo, HERÓIS, e no plural. Tenho alguns heróis e hoje vou falar um pouco de um dos meus favoritos: José Adervan ou ADERVAN.

ADERVAN nunca gostou de capas ou máscaras, sempre foi muito verdadeiro e enfrentou todas as adversidades sem precisar usar antídotos ou armaduras poderosas. Na verdade o seu maior poder sempre esteve no sorriso farto, longas conversas, acompanhadas sempre de uma boa história - ô cabra bom de conversa! Você chegava soltando fumaça de raiva na sala dele e saia revigorado, acreditando sempre que as coisas iriam melhorar. Esse era, sem dúvida, o seu maior poder: o OTIMISMO. Adervan era muito OTIMISTA. Sempre via uma luz no fim do túnel.

Lembro até hoje o meu primeiro contato com meu Herói Adervan: estava eu prestes a fazer 20 anos, desempregado e com a mulher de 'barriga'. Nunca tinha entrado em uma gráfica e muito menos em uma redação de jornal. Foi quando um outro herói (como disse no início do texto, tenho alguns heróis) me apresentou para Adervan e ele, com a sua visão de Raio X, me olhou profundamente e percebeu que eu precisava trabalhar. ADERVAN imediatamente começou a descarregar dos seus olhos rajadas de GENEROSIDADE (outro poder que esse herói carregava com ele) e eu por mais de 20 anos trabalhei em sua empresa.

Quando cheguei ao jornal AGORA eu já sabia layoutar e lá aprendi a diagramar livros, jornais e revista e me tornei chefe do setor. Esse PODER de ser 'chefe' foi me dado por ele. ADERVAN também passava poder às pessoas próximas, mesmo avisando ser desnecessário usar certos poderes. ADERVAN sempre foi o CHEFE e nunca usou esse poder; sempre pediu, nunca mandou; era AMIGO de todos e aprendi isso com ele: ser amigo e nunca chefe.

Um dia perguntei para ADERVAN o que precisava fazer para poder escrever e ele, na sua imensa SIMPLICIDADE - outro poder que ele carregava - me disse: para escrever você precisa primeiro aprender a ler. Leia de tudo, quanto mais você ler, mais você vai escrever. Desde então tenho tentado ler e hoje consigo tropeçar nas palavras para poder homenagear um dos meus HERÓIS que partiu para uma outra dimensão, deixando esse meu pequeno planeta órfão de mais um HERÓI.

Nessa pequena história eu queria dar o nome ao meu herói de PAI, mas não tive esse privilégio de ter sido teu filho, por isso o nome desse meu HERÓI se chama AMIGO.


Obrigado por ter dado um rumo à minha vida, meu AMIGO ADERVAN!

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Escola Ramiro Berbert Castro abre vagas para turma de aceleração



A prefeitura de Ibicaraí, através da Secretaria de Educação, abriu vagas, na Escola Municipal Ramiro Berbert Castro, no distrito de Saloméia, para o programa de aceleração (EJA) do 6º e 7º ano. Segundo a vice-prefeita e secretária de Educação, Adriana Assis, a disponibilidade é para turmas no turno vespertino.

As matrículas tiveram início no dia 10 do mês passado e seguem até esta sexta-feira, dia 17. Os interessados em realizar a matrícula no programa devem se dirigir até a secretaria da unidade e apresentar o histórico escolar original, certidão de nascimento ou casamento e 02 fotografias 3x4. Já os que querem realizar a matrícula na Educação Infantil e Ensino Fundamental devem apresentar o histórico escolar original, certidão de nascimento ou casamento (Xerox), 02 fotografias 3x4, cartão de vacinação da criança atualizado, cartão bolsa família para beneficiários do programa e cartão SUS.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...