DAHIANA DIVULGAÇÃO

DAHIANA DIVULGAÇÃO

IR

IR

ADAUTO NASCIMENTO

ADAUTO NASCIMENTO

SAAE

SAAE

sábado, 20 de maio de 2017

CMS realiza Pré-Conferência e escolhe representantes para a Macro Conferência de Saúde em Itabuna




ASCOM Ibicaraí Fotos Arnold Coelho


Aconteceu na tarde de quarta-feira, dia 17, no prédio do Lions Clube de Ibicaraí, um encontro do Conselho Municipal de Saúde (CMS), que reuniu profissionais da área para uma Pré-Conferência da Saúde. No encontro, foram escolhidos os quatro delegados municipais que representarão Ibicaraí na Macro Conferência Regional de Saúde, que acontecerá no final desse mês, em Itabuna, para Implementação da Política Nacional e Estadual de Atenção Integral à Saúde das Mulheres.

A Macro Conferência em Itabuna receberá os representantes que foram escolhidos nas Pré-Conferências municipais onde serão discutidas as necessidades locais e as propostas elaboradas pelos representantes dos municípios. Serão escolhidos também os delegados e as melhores propostas que serão levadas para a Conferência Estadual, em Salvador, entre os dias 12 e 14 de junho, e tem como tema: Saúde das Mulheres: "Desafios para a Integridade com Equidade".

Em Ibicaraí, foram escolhidos como representante dos trabalhadores a enfermeira Maiane Santos Almeida, representante dos usuários Maria Cristiane Almeida Santos e Rita de Cassia Damasceno Santos e representante de Entidades, Roseane de Oliveira e Silva.

Ao final da reunião foram escolhidos quatro representantes de Ibicaraí que participarão da Macro Conferência de Saúde em Itabuna.

Durante o encontro, a coordenadora da Atenção Básica, Thayanne Moreira, e o presidente do Conselho Municipal de Saúde e Diretor Médico do Hospital Arlete Marom de Magalhães, Leonardo Céo, discutiram com os profissionais presentes a elaboração de propostas que serão levadas para a macro conferência em Itabuna, no final do mês, e possivelmente para a Conferência Estadual que acontecerá em Salvador no mês de junho.

"É necessário o comprometimento de todos os envolvidos e que coloquemos como pauta as necessidades locais, pois saúde não se faz só com a equipe de saúde. Precisamos do Estado, a União e o povo. A dupla jornada, os salários precários e a violência contra a mulher são questões que devem ser abordadas em Itabuna e, consequentemente, em Salvador", disse a coordenadora Thayanne Moreira, que agradeceu ao prefeito Lula Brandão pelo apoio que tem dado à saúde do município.

Segundo o Diretor do Hospital, "a violência que afeta a saúde da mulher e a necessidade da elaboração de políticas públicas, que protejam o sexo feminino, são políticas que só nascerão com a valorização dos conselhos municipais de saúde, que precisam agir com espaços democráticos como os de hoje, garantindo a legitimidade dos conselhos e elaborando propostas para construir uma política com leis que garantam a saúde integral da mulher", disse Leonardo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...